Congresso debate o desenvolvimento da aquicultura, aquarismo e pesca esportiva no Ceará

Congresso debate o desenvolvimento da aquicultura, aquarismo e pesca esportiva no Ceará

Nos próximos dias 25, 26 e 27 de janeiro Fortaleza sediará o 1º seminário cearense da cadeia produtiva de organismos aquáticos ornamentais e o 1º encontro cearense de aquarismo jumbo e pesca esportiva.

O 1º seminário cearense da cadeia produtiva de organismos aquáticos ornamentais, promovido pela Associação dos Criadores e Lojas de Aquário do Ceará (ACLACE) e pela Secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura do Governo do Estado do Ceará (SEAPA/CE), ocorrerá entre os dias 25 e 26 de janeiro.

Nesse evento haverá palestras de instituições públicas e privadas dando esclarecimentos acerca de legalização da atividade, assessoria empresarial e crédito financeiro, além de informações sobre as leis que regem a piscicultura ornamental em nosso país, ou seja, quais as oportunidades e entraves da atividade aquícola ornamental no Brasil.

A meta durante os dois dias do evento, de acordo com Fábio Fernandes, da coordenadoria do desenvolvimento da pesca da SEAPA, é obter a compilação de críticas e ideias para servir de base para futuros projetos, visando o fortalecimento da cadeia produtiva da aquicultura ornamental e do comércio especializado no Estado.

Já no sábado (27), será promovido o 1º encontro cearense de aquarismo jumbo e pesca esportiva.

O evento, pioneiro no Ceará, reunirá aquaristas e pescadores esportivos que buscam informações sobre as particularidades e afinidades relacionadas à valorização dos peixes, em especial o tucunaré.

De acordo com a organizadora do encontro, que é hobbysta e possui um aquário com tucunarés, – dois da espécie kelberi (amarelo), dois pinimas (na fase paca) e um piquiti (azul), – o projeto surgiu da necessidade de informações sobre a montagem e o equilíbrio biológico de aquários jumbo. Segundo Luziana Ferreira o encontro proporcionará importantes legados para o aquarismo e a pesca esportiva no Estado do Ceará. “Estou convicta que os participantes se beneficiarão com a obtenção de informações em um dia de excelentes oportunidades de novas parcerias, desenvolvendo o  comércio especializado que está em expansão na capital e no interior do Estado”, afirma.

O evento contará com cinco palestrantes:

– Rodrigo Sgambatti – Pescador esportivo, que tratará do tema: Os Cichas (Tucunarés) – Procedimentos básicos para o pesque, fotografe e solte.

– Thiago Franklin – Presidente da Associação de Pesca Esportiva do Estado do Ceará (APEECE), com o tema: Pesca Esportiva.

– Giovana Riello – Geneticista da Universidade Federal do Ceará (UFC), que tratará sobre: Sequenciamento de nova geração como ferramenta para sistemática molecular do gênero Cichla (Tucunaré).

– Renato Moterani – Funcionário do Instituto Butantan. Principal nome no aquarismo jumbo no Brasil, que abordará sobre: Aquarismo jumbo – Manutenção, Filtragem, Compatibilidade de espécies, Doenças.

– Daniel Machado – Biólogo, analista ambiental do Ibama, que tratará sobre: O custo da teimosia na aquariofilia.

O encontro, que conta com o apoio da principais loja de aquarismo do Ceará, inclusive a Casa da Pesca, ocorrerá das 8h às 17h30, será realizado no auditório do Núcleo de Pesquisas de Medicamentos da Universidade Federal do Ceará, localizado na Rua Cel. Nunes de Melo, 1000, bairro Rodolfo Teófilo, em Fortaleza.

Os inscritos, no ato do credenciamento, devem entregar dois quilos de alimentos não perecíveis, que serão doados para uma comunidade carente.

Mais detalhes sobre o encontro podem ser obtidas com Luziana Ferreira, pelo telefone (85) 9.9812.6094. E mais informações sobre o seminário podem ser obtidas na Coordenadoria do Desenvolvimento da Pesca pelo telefone (85) 3241.0473.

Conheça, curta e compartilhe a página da Casa da Pesca no Facebook.

facebook.com/casadapesca

ENTRE EM CONTATO

Estamos aguardando seu contato. Fique a vontade para enviar-nos uma mensagem.

Enviando

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?